segunda-feira, 21 de agosto de 2006

Poltrona ecologicamente correta



De linhas modernas e com design exclusivo, a Flextropic - uma poltrona executiva conceito desenvolvida pela Flexform - além de proporcionar bem-estar contribui com a natureza. Toda sua composição é feita de material ecológico, ou seja, não utiliza madeira ou substâncias não recicláveis. O material do assento e do encosto, que dispensa o uso de espumas, é de tecido tipo "tela", que se molda totalmente ao corpo do usuário e proporciona uma sensação agradável de conforto e ventilação, mesmo em ambientes quentes. Já a base é feita de alumínio polido.

Projetada com os mais avançados recursos ergonômicos, apropriados para se adequar aos padrões corporais, a Flextropic foi desenvolvida levando em consideração a saúde do corpo, proporcionando regulagem correta da poltrona. Possui o mecanismo Syncron que permite o movimento sincronizado de inclinação entre o assento e o encosto, com quatro posições de bloqueio. Seu apóia-braço exclusivo oferece regulagem de altura, ângulo e profundidade. O assento é regulável na altura através do mecanismo de "pistão a gás". Já o rodízio (o mecanismo das rodinhas) é o Espacial blindado que se adapta a qualquer tipo de piso.

Criada por Cláudio Muzi, engenheiro de produtos da Flexform. Custa R$ 2.600,00.

A Flexform nasceu das mãos do italiano Ernesto Iannoni, que identificou no mercado de móveis para escritório uma carência na fabricação de componentes para poltronas. Assim, em 1965, Iannoni criou a Flexform. Um dos primeiros investimentos foi produzir bases, mecanismos de vários tipos, com regulagem de altura e inclinação, um grande avanço para a época. A primeira unidade da fábrica ocupava uma área de 2.000m², onde, em 1972, foi fabricado o primeiro rodízio de duplo giro e dupla roda. Até então, usavam-se os rodízios de apenas uma roda, que não proporcionavam uma boa movimentação das poltronas. Essa inovação foi absorvida rapidamente pelo mercado.

Em 1975, a empresa foi ampliada, contando com uma nova unidade, de 10.000m², e, no ano seguinte, foi desenvolvido o datillo, primeiro mecanismo produzido no Brasil, próprio para datilógrafos, oferecendo um melhor ajuste na posição de trabalho. No ano de 1978, a empresa inovou mais uma vez e produziu pistões a gás, para regulagem de altura das cadeiras e poltronas, automaticamente.

Em 1983, a Flexform projetou o Mecanismo Universal I em 4 versões, que possibilitava a regulagem de todos os movimentos com a mesma alavanca. Em 1994, a empresa agregou à produção de componentes a fabricação de poltronas operativas e executivas, se consolidando como especialista no setor. Em 2003, a empresa instalou-se em seu novo parque industrial, no bairro de Cumbica, em Guarulhos, em um terreno de, aproximadamente 55 mil m², com instalações mais amplas e modernas. Em 2004, a empresa patenteou o novo Mecanismo Universal II - Relax e Syncron -, que permite total adaptação do produto aos movimentos do usuário, que, com uma única alavanca e sentado, tem condições de efetuar todas as regulagens.

No mesmo ano, a empresa desenvolveu e patenteou o Rodízio Duplo Modelo Espacial com design arrojado, rodas blindadas e rolamento duplo antitravamento, que facilita ainda mais o movimento da poltrona em qualquer tipo de piso, sem entraves, além de evitar o acúmulo de poeira. Todas essas últimas inovações estão aplicadas na nova família da Flexform Premium Super, lançadas em 2006.

2 comentários:

Cristiane disse...

Pessoal achei uma barganha!!



Eu estava procurando cadeiras ergonomicas e acabei achando o site www.idepot.com.br, são vendedores da flexform, Uma exelente marca tanto quando ou melhor que a giroflex ou alberflex, melhor que a aeron, que é importada e neste site custam super barato, se vc pedir orçamento eles dão super descontos além do preço do site que jáestão baixos até 40% de desconto. Comprei uma cadeira bacana com todas regulagens por R$250,00 com frete gratis e em 4x sem juros.

Eu acho que foi um bom negócio.

A um ano uma similar de uma marca chamada Marelli móveis para escritório,ela quebrou em 6 meses,e a garantia não cobria.Na alberflex a garantia era de 12 meses, também não vou arriscar denovo. Né

Ainda ganhei 5 anos de garantia pela Flexform!

Anônimo disse...

Il semble que vous soyez un expert dans ce domaine, vos remarques sont tres interessantes, merci.

- Daniel